Parnahyba enfrenta o Altos em situação difícil na tabela

Compartilhe: wapp

parnahybaaltosA equipe do Altos com nove pontos ganhos, invicto e com 100% de aproveitamento nesta fase classificatória pretende vencer e carimbar de vez sua passagem para as semifinais do returno do piauiense. Já o Parnahyba que vem de um resultado negativo diante do Piauí quando foi derrotado pelo placar mínimo, precisa pontuar para voltar ao G4 e continuar sonhando com o título de campeão arrastão.

Na quarta-feira (19) foram realizados dois jogos também da quinta rodada do returno do estatual. No Lindolfo Monteiro o River venceu o Flamengo pelo placar de 2 a 1 no segundo Rivengo do ano. Em Piripiri, o 4 de Julho venceu o Picos por 2 a 1, na Arena Ytacoatiara e selou o rebaixamento para a segunda divisão do time da capital do mel.

Estes resultados não foram favoráveis ao Tubarão que mesmo vencendo o Altos chega apenas a 7 pontos, a mesma pontuação do Piauí que está na quarta colocação. Para voltar ao G4 o time azulino teria que vencer por 2 ou mias gols de diferença. Uma derrota ou empate diante do Altos, deixaria mais complicada sua situação e dificilmente conseguiria a classificação, pois teria que vencer River e Flamengo fora de casa e ainda depender de outros resultados na tabela. Portanto só resta ao Tubarão vencer ou vencer para continuar vivo no returno. O caminho para a classificação é difícil, mas não impossível.

A FFP (Federação de Futebol do Piauí) escalou para comandar as quatro linhas o árbitro Antônio Santos Nunes que terá como assistente 1, Thyago Costa Leitão e assistente 2, Alisson Lima Damasceno. O quarto árbitro será Ideilon Helton Alves Lima.

Antes da rodada tivemos o desfecho da novela que tem Tubarão e Leão como protagonistas e o atacante Fabiano como pivô do conflito. O TJD-PI acatou a denúncia da suposta escalação irregular do jogador azulino e na noite desta terça-feira (18) os membros da Comissão disciplinar anularam a denúncia e extinguiu a ação antes de entrar no mérito sobre escalação irregular de atleta por conta da ausência de comprovante da taxa de R$ 1.500,00 referentes ao processo que o Flamengo teria que pagar antes do julgamento. Cabe recurso, mas os dirigentes do Flamengo ainda não confirmaram se irão recorrer.

Em outro processo contra o Parnahyba, por decisão unânime, a comissão puniu o Tubarão com a perda de dois mandos de campo e multa de R$ 2 mil, por conta da invasão de campo por parte da torcida do Parnahyba no jogo da final do turno contra Altos. Com esta punição o Parnahyba não joga mais neste campeonato no estádio municipal Pedro Alelaf, Na tabela só resta um jogo do returno contra o River no dia 23, domingo. Um segundo jogo seria na final do campeonato Piauiense contra o vencedor do segundo turno, caso não seja o Parnahyba o campeão do returno.

Com informações do Jornal da Parnaíba